Cultura

'Mudou a vida de todos', diz Zuza sobre João Gilberto

Legado de João Gilberto é admirado até os dias de hoje, como lembrou Zuza, que ainda criticou a ignorância de figuras políticas que não reconhecem o artista

['Mudou a vida de todos', diz Zuza sobre João Gilberto]
Foto : Michael Ochs Archive

Por Matheus Simoni no dia 11 de Julho de 2019 ⋅ 12:41

O jornalista, pesquisador e crítico musical Zuza Homem de Mello falou, hoje (10), em entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, sobre o legado deixado por João Gilberto na música brasileira e americana. O músico morreu no último sábado (8), aos 88 anos, no Rio de Janeiro. Zuza lembrou do patrimônio que o artista possibilitou com sua influência musical.

"Mudou a vida de todos os músicos brasileiro. De Gil, Caetano, do Milton, do Chico Buarque e de todos os grandes músicos e compositores do Brasil, de uma geração inteira. Mudou a vida dos músicos de jazz americanos e da própria canção americana. Hoje em dia, as próprias canções americanas adotaram, com todo gosto e luxo, o ritmo brasileiro que João Gillberto deu ao mundo. Isso mudou a vida da canção, partiu de João Gilberto", declarou o crítico musical.

Zuza Homem de Mello ainda lembrou dos encontros que teve com João Gilberto. Um deles ocorreu em 1977, em Nova York, quando ele passou uma semana em um hotel ouvindo as músicas do LP "Amoroso", que havi sido recém-lançado.

"Ele estava hospedado em um hotelzinho, o procurei e ele falou que era para encontrá-lo. Fiquei todas as tardes daquela semana, só ele e eu, mais ninguém. Muito simples em Nova York. Tive o prazer de ser o único ouvinte, por uma semana, de João Gilberto. Cantando e cantando as músicas de Amoroso que haviam sido recém-gravadas", afirmou.

O legado de João Gilberto é admirado até os dias de hoje, como lembrou Zuza, que ainda criticou a ignorância de figuras políticas que não reconhecem o artista. "Até os discos de 1958 não envelheceram. Se você ouvir, você pode achar que foi gravado no ano passado. Só existe por causa dessa genialidade de João Gilberto. Foi, de fato, o músico brasileiro mais admirado por todos os músicos brasileiros. Todos consagram João Gilberto como o mais admirado, a não ser os que o desconhecem, inclusive o presidente Bolsonaro. Tudo isso é muito significativo", acrescentou o jornalista. 
 

Notícias relacionadas