Segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Polícia

Quadrilha presa por roubo a prédios de luxo saiu de São Paulo para agir em Salvador

Os cinco presos fazem parte de um grupo formado por mais de 60 pessoas, majoritariamente jovens, com funções bem definidas; foto da condução de Kevin para a 7ª DT

Quadrilha presa por roubo a prédios de luxo saiu de São Paulo para agir em Salvador

Foto: Reprodução Redes Sociais

Por: Metro1 no dia 25 de julho de 2021 às 15:44

Os cinco jovens presos neste sábado (24) após o roubo a um apartamento na Mansão Pedro Calmon, em Ondina, fazem parte de uma quadrilha radicada em São Paulo, especializada em furtar apartamentos de luxo. O bando é formado por mais de 60 pessoas, a maioria jovens descendentes de asiáticos e árabes. Após o núcleo de inteligência da quadrilha levantar informações sobre possíveis alvos, outros membros partem para ação. 

Antes restrita ao estado de São Paulo, a organização está ampliando as ações para outros estados do Brasil. Vestidos como pessoas de classe média, eles dizem ser parentes da vítima e conseguem acessar o prédio de luxo.  

Após a prisão de Kevin de Oliveira Jin, 22 anos, na tarde de sábado, na Rua Sabino Silva, a polícia conseguiu chegar ao restante do grupo na BR-116, em um posto de gasolina na cidade de Milagres, em uma ação integrada das polícias militar, civil e rodoviária federal. A quadrilha estava hospedada em uma pousada no bairro de Itapuã.

Kevin e o restante do bando havia acabado de furtar um apartamento na Mansão Pedro Calmon quando foi visto - por um morador de um prédio roubado no dia 18 em Ondina - andando com uma mala pela Rua Sabino Silva. O próprio morador abordou Kevin e os outros membros do grupo que estavam do outro lado da calçada conseguiram fugir. Uma viatura da PM passava pelo local e efetuou a prisão junto com o morador. 

Kevin foi autuado em flagrante na 7ª DT (Rio Vermelho). Na mala carregada por ele, havia joias roubadas de dentro de um cofre do apartamento. 

Segundo um policial que participou da operação, antes de roubar a Mansão Pedro Calmon, o grupo tentou entrar em um prédio na Rua Waldemar Falcão, mas o porteiro desconfiou e não permitiu o acesso. Em contato com o Departamento de Investigações Criminais (Deic) de São Paulo, a polícia paulista informou que Kevin pratica roubos desde os 14 anos e tem várias passagens pelo Deic. 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP/BA), além da Mansão Pedro Calmon, o grupo realizou outros assaltos nos bairros da Barra e Graça. O grupo é formado por quatro homens e uma mulher. Entre os criminosos, estão dois adolescentes de 15 anos e um adulto, todos paulistas.

Quadrilha presa por roubo a prédios de luxo saiu de São Paulo para agir em Salvador - Metro 1