Cidade por Paloma Morais no dia 07 de Dez de 2017 • 14:45

60% das mulheres na Bahia realizam trabalhos não remunerados

60% das mulheres na Bahia realizam trabalhos não remunerados

Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que, do percentual de pessoas que realizam trabalhos não remunerados na Bahia, 60% são mulheres.

De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (7), no ano de 2016, das 12,2 milhões de pessoas de 14 anos ou mais no estado, cerca de 10 milhões (9,984 milhões ou 82,1% do total) exerceram atividades de forma não remunerada, a exemplo de afazeres domésticos, cuidados de parentes, produção para o próprio consumo ou trabalho voluntário. Aproximadamente seis em cada 10 do total eram mulheres (5,8 milhões ou 58,1% do total).

Elas representavam a maior parcela em quase todos os tipos de trabalhos não remunerados: 65,6% dos que cuidavam de outros moradores do domicílio ou de parentes que não moravam no mesma residência (2,2 dos 3,3 milhões dos que faziam a tarefa no estado); 59,8% dos 9,6 milhões de pessoas que realizavam afazeres domésticos no próprio domicílio ou em casa de parentes; e 62% dos que faziam trabalho voluntário no estado (291 mil de um total de 469 mil pessoas).

Além disso, as mulheres dedicavam quase o dobro de tempo que homens aos cuidados de pessoas e afazeres domésticos. Elas gastavam 21,4 horas por semana nas ocupações. Já os homens, 10,3 horas semanais.



publicidade:


Notícias : Cidade