Bahia por Luiza Leão no dia 13 de Nov de 2017 • 19:48

Governo inaugura policlínica em Teixeira de Freitas e outras cinco unidades de saúde até dezembro

Governo inaugura policlínica em Teixeira de Freitas e outras cinco unidades de saúde até dezembro

Foto: Elói Corrêa/GOVBA

O Governo do Estado vai inaugurar quatro novas policlínicas e dois novos hospitais na Bahia até o fim deste ano. A primeira entrega, realizada no próximo dia 17 será uma policlínica em Teixeira de Freitas. Além dessa iniciativa, que vai beneficiar moradores do extremo sul baiano, outro centro de saúde será inaugurado em Guanambi, no próximo dia 24, em Irecê e em Jequié, nos dias 21 e 22 de dezembro, respectivamente. Os hospitais em Seabra (1º) e Ilhéus (15), abrem as entregas do setor da saúde no mês de dezembro.

As policlínicas fazem parte dos Consórcios Públicos de Saúde, para levar atendimento especializado e exames de alta complexidade ao interior, evitando que os pacientes se desloquem para os grandes centros. As obras e os equipamentos foram custeados com recursos financeiros do Governo do Estado, enquanto que a manutenção mensal será dividida da seguinte forma: 40% para o Estado e os 60% restantes divididos entre os municípios consorciados.

"A saúde é uma das áreas prioritárias da nossa gestão. A construção das policlínicas é um exemplo disso. Por atenderem não só um município, mas a toda uma região, terão enorme impacto na ampliação do atendimento e na qualidade do serviço prestado à população. O paciente não precisará se deslocar por grandes distâncias para buscar o tratamento que necessita", destacou o governador Rui Costa.

Por sua vez, o secretário de Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, acredita que "o projeto das policlínicas irá mudar a realidade da atenção de saúde na Bahia, garantindo maior resolutividade às unidades básicas".

Entre os exames que serão ofertados nas unidades de saúde do interior estão: ressonância magnética, tomografia, mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, ergometria, mapa, holter, eletroencefalograma, eletromiografia, raio-x, eletrocardiograma, endoscopia, colonoscopia, nasolaringoscopia, colposcopia, histeroscopia e cistoscopia. Também serão realizados procedimentos de vasectomia, cauterização, pequenas cirurgias e cuidados com o pé diabético, além de biopsias de mama, tireoide, próstata, dérmica, gastroenteral, dentre outras.

Os pacientes também terão acesso a uma variedade de especialidades médicas, a exemplo de angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastroenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia. Ao longo do tempo, será possível ampliar ou substituir por outras especialidades, a depender do perfil epidemiológico da região.

De acordo com o Governo do Estadado, as próximas policlínicas serão construídas nos municípios de Valença, Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Alagoinhas, Simões Filho, Ribeira do Pombal, Brumado, Paulo Afonso, Juazeiro, Barreiras, Jacobina, Senhor do Bonfim, Itabuna, Vitória da Conquista e Salvador, sendo a capital baiana, a única com duas unidades.



publicidade:


Notícias : Bahia