Turismo

Brasil vai fazer parceria com Google e captar influenciadores para impulsionar turismo

Cooperação pode fazer com que os turistas sejam direcionados para destinos brasileiros quando usarem o buscador

[Brasil vai fazer parceria com Google e captar influenciadores para impulsionar turismo]
Foto : Isac Nóbrega / PR

Por Juliana Almirante no dia 12 de Julho de 2019 ⋅ 09:05

O governo brasileiro vai fazer uma parceria com o Google e usar influenciadores digitais, a exemplo do DJ Alok e de Ronaldinho Gaúcho, para impulsionar o turismo. A informação é do presidente da Embratur, Gilson Machado, em entrevista à Rádio Metrópole ontem (12), durante o evento de inauguração da revitalização do Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM), em Salvador.

A cooperação com o Google pode fazer com que os turistas sejam direcionados para destinos brasileiros quando usarem o buscador. 

"A gente está indo para o Google na próxima semana. Foi isso que Portugal e Espanha fizeram (parceria com o Google). Você tem que se antecipar e andar na vanguarda do tempo. É isso que vamos fazer pela primeira vez no brasil. Vamos usar os poucos recursos que temos, por enquanto. Estamos viabilizando mais recursos juntos ao sistema S, o Sebrae, junto ao próprio governo federal e Ministério do Turismo, para que a gente faça isso", disse Gilson Machado.

Ele também falou sobre o convênio com  influenciadores digitais brasileiros, ao considerar a importância da divulgação dos destinos brasileiros nas novas mídias. 

"Estamos captando alguns influenciadores digitais brasileiros que têm influência no mundo todo, que têm mais de 50 milhões de seguidores, como é o caso de Ronaldinho Gaúcho e do DJ Alok, para que a gente tenha alguns embaixadores do turismo do Brasil", informou.

Ronaldinho Gaúcho declarou apoio público a Bolsonaro em outubro do ano passado, durante as eleições presidenciais. Já Alok não chegou a manifestar apoio a um dos candidatos à presidência, à época. 

Notícias relacionadas

[Turismo cresce 11% na Bahia em maio]
Turismo

Turismo cresce 11% na Bahia em maio

Por Metro1 no dia 15 de Julho de 2019 ⋅ 15:00 em Turismo

Na avaliação do secretário estadual de Planejamento, Walter Pinheiro, setor deverá avançar ainda mais com pacotes de incentivo e investimentos anunciados