Turismo

Redução de ICMS incentiva ofertas de voos na Bahia, analisa diretor da Vinci

Júlio Ribas ressaltou que o governo do estado terá contrapartidas com este decreto

[Redução de ICMS incentiva ofertas de voos na Bahia, analisa diretor da Vinci]
Foto : Reprodução / Youtube

Por Metro1 no dia 05 de Julho de 2019 ⋅ 17:18

O diretor-presidente da Vinci Airports, concessionária que administra o aeroporto de Salvador, comentou sobre o decreto que reduz o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para as companhias aéreas até 31 de dezembro de 2025. Júlio Ribas esteve na sede da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, nesta sexta-feira (5), quando o governador Rui Costa (PT) apresentou um pacote de incentivos à expansão das operações de transporte aéreo de passageiros e os primeiros resultados das medidas. 

“O custo do combustível de aviação representa 30% a 40% do custo de operação das companhias aéreas. O ICMS, o imposto sobre querosene de aviação, é um componente importante que influencia esse custo. Essa mecânica de incentivo vira naturalmente um atrativo as companhias considerarem, porque ajuda na rentabilidade, principalmente nos voos que eles iniciam e, no início, a ocupação não é tão alta, e acaba funcionando como estímulo inicial para que isso aconteça”, disse ao Bahia Notícias.

Ainda na oportunidade, ele ressaltou que o governo do estado terá contrapartidas com este decreto. “É um plano bem escrito, bem montado e que, por sua vez, não está dando nada de graça. Há uma contrapartida das companhias aéreas”, explica. “Essa redução é atingida gradualmente. Quanto mais voa, maior a redução. Não é uma redução única independente do número de voos”.

Notícias relacionadas

[Turismo cresce 11% na Bahia em maio]
Turismo

Turismo cresce 11% na Bahia em maio

Por Metro1 no dia 15 de Julho de 2019 ⋅ 15:00 em Turismo

Na avaliação do secretário estadual de Planejamento, Walter Pinheiro, setor deverá avançar ainda mais com pacotes de incentivo e investimentos anunciados