Brasil

Hacker invade grupo do Conselho do Ministério Público; veja a mensagem

A PGR Raquel Dodge pediu que a Polícia Federal investigasse o ataque ocorrido através do aplicativo Telegram

[Hacker invade grupo do Conselho do Ministério Público; veja a mensagem]
Foto : Reprodução/O Globo

Por Kamille Martinho no dia 12 de Junho de 2019 ⋅ 14:26

O grupo do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) foi invadido por um hacker na noite de ontem (11). As mensagens, enviadas pelo hacker através do número do procurador militar Marcelo Weitzel, um dos integrantes do Conselho, despertou a desconfiança dos colegas. As informações são do O Globo.

Um dos integrantes do conselho ligou para Weitzel para saber o que estava acontecendo e ele confirmou que não estava usando o telefone no momento do envio das mensagens. Após o ocorrido, a procuradora-geral da República Raquel Dodge pediu que a Polícia Federal investigasse o ataque ocorrido através do aplicativo telegram.

Hoje (12), o colunista da Época Guilherme Amado revelou que um hacker também usou o telegram de Weitzel para conversar com o ex-presidente da Associação Nacional dos procuradores da República, José Robalinho.

Confira as mensagens trocadas:

— Marcelo, essas mensagens são suas? Não está parecendo seu estilo. Checa teu celular aí. — escreveu um integrante do grupo.

— Hacker aqui. Adiantando alguns assuntos que vocês terão de lidar na semana, nada contra vocês que estão aqui, mas ninguém melhor que eu para ter acesso a tudo né. — respondeu o hacker, autor das mensagens.

 

Notícias relacionadas

[Quina de São João pode pagar R$ 140 milhões]
Brasil

Quina de São João pode pagar R$ 140 milhões

Por Juliana Almirante no dia 16 de Junho de 2019 ⋅ 07:00 em Brasil

Por se tratar de uma edição especial, o prêmio não acumula e, se ninguém acertar a quina, será dividido entre os ganhadores da quadra