Saúde 03 de Jan de 2017 • 18:40

Hospital da Mulher conta com arte e paisagismo como forma de humanização

Hospital da Mulher conta com arte e paisagismo como forma de humanização

Foto: Pedro Moraes/GOVBA

O Governo do estado vai contar com o auxilio da arte e do paisagismo para humanizar o Hospital da Mulher, no Largo de Roma. A unidade de saúde terá um grafite tamanho gigante, das artistas Sista Kátia e Nila Carneiro em uma parede externa do hospital, além de um painel produzido por Bel Borba, com 462 imagens de mulheres, uma em cada azulejo, e um jardim suspenso. A unidade sera inaugurada na próxima segunda-feira (9).

“Estar no Hospital da Mulher é maravilhoso. O equipamento em si já é uma vitória, porque é necessário ter uma política pública que olhe para a saúde das mulheres. Para mim, que venho da periferia, fazer um trabalho em um hospital público voltado para as mulheres é incrível”, disse a artista Sista Kátia

"Essa é a representação de uma mulher que tem o domínio dos ciclos da vida, que tem o domínio de si para representar todas as mulheres que podem ser atendidas neste hospital. Para a gente é muito importante fazer um trabalho como este, voltado para as mulheres, artisticamente falando, dentro de um hospital voltado para a saúde da mulher”, disse a artista visual e designer, Nila Carneiro sobre o grafite do hospital. 

Serviços

O Hospital da Mulher prestará assistência nas áreas de ginecologia e mastologia,de reprodução humana, oncologia e situações relacionadas à violência sexual. As mulheres terão acesso também ao serviço de planejamento familiar. Além de poderem contar com tecnológica de ponto no segundo maior hospital do país especializado na saúde da mulher. 



publicidade:


Notícias : Saúde