Política por Matheus Simoni no dia 12 de Ago de 2017 • 16:27

Funaro deixa carceragem da Polícia Federal e volta à Papuda

Funaro deixa carceragem da Polícia Federal e volta à Papuda

Foto: Agência Senado

O corretor Lúcio Bolonha Funaro deixou a Superintendência da Polícia Federal no Distrito Federal e retornou ao Complexo Penitenciário da Papuda. Em negociação de uma colaboração premiada com a Polícia Federal e com a Procuradoria-geral da República, o doleiro ingressou na penitenciária na última sexta-feira (11). Funaro estava na carceragem da PF desde o dia 5 de julho do ano passado, quando foi preso no âmbito das operações Sépsis e Cui Bono?.

Ele voltou a negociar o acordo com a Lava Jato após vir à tona a delação de executivos da JBS, que o apontam como operador de propinas do PMDB da Câmara, grupo político do presidente Michel Temer. Nas tratativas, segundo investigadores, Funaro prometeu confirmar ter recebido valores de Joesley Batista para evitar a colaboração com a Justiça. Seus depoimentos devem ser utilizados na denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, prepara contra o presidente Michel Temer pelo crime de obstrução de Justiça.



publicidade:


Notícias : Política