Economia por Marina Hortélio no dia 11 de Abr de 2018 • 17:41

Desigualdade aumenta em 4 das 5 regiões do país

Desigualdade aumenta em 4 das 5 regiões do país

Foto: Divulgação/Palácio do Planalto

Os dados da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) apontam que a desigualdade aumentou, na passagem de 2016 para 2017, em quatro das cinco regiões do Brasil. O crescimento da desigualdade também é apontado pelo aumento do índice de Gine em quatro regiões do país, exceto o Sudeste.

O nordeste foi a região que teve o pior resultado, com um crescimento de 0,012, passando de 0,555 em 2016 para 0,567 no ano passado. Apesar do crescimento da taxa que mede a desigualdade, o Índice de Gine se manteve estável devido à queda registrada no Sudeste.

Entre 2016 e 2017, tanto o rendimento médio quanto a massa de renda diminuíram. No ano passado, os 10% da população com os menores rendimentos detinham apenas 0,7% de toda a renda do País. Já os 10% com mais ricos concentravam 43,3% de toda a receita.



publicidade:


Notícias : Economia