Cidade por Gabriel Nascimento no dia 14 de Nov de 2017 • 12:44

"Um maná", diz Pedro Corrêa sobre livro que reúne fotos e depoimentos de Oswaldo Aranha

Foto: Reprodução/FGV

O economista e escritor Pedro Corrêa do Lago foi entrevistado por Mário Kertész, na Rádio Metrópole, no início da tarde desta terça-feira (14), e falou sobre "Oswaldo Aranha – Uma Fotobiografia", lançado em junho. O livro reúne 600 imagens e 500 depoimentos que contam a história do político e diplomata. Pedro é neto de Oswaldo. "Sou um colecionador, de fato. Cartas, fotografias... Na verdade, esse acervo foi formado por minha mãe com as fotos que a família acumulou ao longo do tempo. Teve também uma doação da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Então, é um maná. Eu achei que a vida de Oswaldo poderia ser melhor contada através dessas imagens e depoimentos", afirmou.

Questionado sobre a vida política do avô, Lago comentou a chance que Oswaldo teve de assumir a presidência do país. "É uma interpretação de vários historiadores. Como Getúlio [Vargas] já tinha sido ministro da República Velha, na Nova se não desse certo, ele tinha muito a perder. Oswaldo tinha 36 anos na époica, não tinha nada a perder. Então, foi ele quem articulou, fez as alianças e costurou literalmente. O Getúlio



publicidade:


Notícias : Cidade