Cidade por Laura Lorenzo no dia 12 de Set de 2017 • 14:10

Empresa fará estudos para implantação do Centro de Convenções em consórcio com a WTC

Empresa fará estudos para implantação do Centro de Convenções em consórcio com a WTC

Foto: Tácio Moreira/Metropress

O chefe da Casa Civil, Bruno Dauster, informou que a Reag Gestora de Recursos, empresa autorizada pelo Governo do Estado para fazer os estudos para a implantação do novo Centro de Convenções da Bahia no Parque de Exposições, está associada, em consórcio, com a World Trade Centers Association. “Recebemos uma carta de intenções de um consórcio Reag – World Trade Center. A proposta que foi feita é o estudo da possibilidade de fazer um Centro de Convenções na área do Parque de Exposições, em que o equipamento sai a custo zero, através de uma permuta de terrenos, dentro da área do próprio centro”, disse Dauster, em entrevista ao portal Bahia Notícias na última segunda-feira (11).

Ainda segundo o chefe da Casa Civil, os terrenos ao redor do centro, mas que estão dentro da área do Parque de Exposições, dariam espaço a outros empreendimentos. “No final a gente tem um Centro de Convenções moderno que vai ter, a uma distância de caminhada à pé, coisa de três, quatro, cinco minutos, um hotel, um estacionamento, uma área comercial, restaurantes, e uma arena multiuso para espetáculos, etc”, disse. De acordo com ele, a intenção é alcançar uma média de três a quatro eventos por semana.

Caso a proposta do Reag – WTC seja a vencedora, os gastos com a construção serão bancados integralmente pelo consórcio, e a operação será feita pela modalidade de outorga onerosa – quando a empresa paga um valor pelo uso do espaço, periodicamente. Dauster informou ainda que a previsão é de que os estudos sejam apresentados em um prazo de 90 dias e a licitação já seja lançada em 120 dias.



publicidade:


Notícias : Cidade