Bahia por Paloma Morais e Matheus Morais no dia 12 de Set de 2017 • 17:34

Parque de Exposições: Rui autoriza procedimentos para viabilizar nova área do Centro de Convenções

Parque de Exposições: Rui autoriza procedimentos para viabilizar nova área do Centro de Convenções

Foto: Matheus Morais

Em um encontro do governador Rui Costa com jornalistas dos principais veículos da cidade, o gestor do estado comentou sobre a implantação do novo Centro de Convenções no Parque de Exposições Agropecuárias de Salvador, localizado na Avenida Luis Vianna filho, a Paralela. Segundo Rui, já foi autorizado o início dos procedimentos legais para iniciar o processo de contratação da área para a construção do equipamento.  

"Estamos publicando uma PMI [Projeto de Manifestação de Interesse], uma proposta de manifestação  de interesse de construção no Parque de Exposições e vamos adotar o procedimento legal previsto na lei para proposta. Ou seja você publicizar uma proposta dessas e ver se tem concorrer dispostos a fazer a mesma proposta ou proposta melhor que essa e se não tiver, após o processo de leilão, você contrata e inicia  a obra, e assim que nós vamos fazer. Eu já autorizei para fazer os procedimentos legais para iniciar o processo de contratação. O investimento vai ser privado num terreno público para  a contratação no Centro de Convenções a ao final de um determinado tempo o bem é reversível ao estado da Bahia, ou seja passa a ser um bem para o Estado e para Centro de Convenções", afirmou.

De acordo com Rui,  a área preferencial do governo para a alocação do equipamento seria no Comércio, porém, pelas áreas do bairro não estarem disponíveis atualmente, foi decidido que a construção fosse realizada no parque.

"A área preferencial do governo do estado e minha pessoal é na área do Comércio, por todas as razões que já expus, mas as áreas do Comércio não estão se mostrando disponíveis no tempo exíguo que a economia de Salvador, a economia da Bahia precisa. O processo decisório tá sendo muito lento, e pra não ficar esperando muito mais a gente tomou a decisão de viabilizar naquele espaço que no tempo mais exíguo a execução que é o parque de exposições", disse.

Ainda de acordo com ele, o local onde aloca atualmente o Centro de Convenções será  leiloado "em um momento adequado", em que a economia do Estado esteja reagindo.

 



publicidade:


Notícias : Bahia