Bahia 10 de Jan de 2017 • 17:11

Bahia pode ser primeiro estado do Brasil a ‘zerar’ déficit prisional

Bahia pode ser primeiro estado do Brasil  a ‘zerar’ déficit prisional

Foto: Agência Brasil

O governo baiano, por meio da Secretaria Especial de Administração Penitenciária (Seap), vai publicar nos próximos dias 16 e 18 de janeiro de 2017 o edital de licitação para a contratação das empresas que vão gerir os novos presídios construídos pelo Estado, em Irecê (centro norte), Barreiras (oeste) e Salvador. No total, serão mais 2.269 novas vagas. Em Brumado (centro sul), a obra encontra-se em fase de conclusão.

A assessoria da SEAP informou ao Metro1 que a "expectativa é que ainda no primeiro trimestre deste ano esses novos presídios estejam em pleno funcionamento". Das 26 unidades funcionando no Estado, sete unidades são do modelo de co-gestão. 

A população carcerária baiana totaliza, hoje, 13.766 internos para 10.319 vagas. Com essas novas unidades, a Bahia poderá ser "a primeira unidade da federação a ‘zerar’ o déficit prisional do Brasil", disse a Secretaria.

Já foram inauguradas, na atual gestão, 2.190 vagas na Bahia, entre construção e ampliação de unidades prisionais. A assessoria da SEAP, informa, ainda, que vai divulgar os nomes das empresas vencedoras quando acabar o processo licitatório.

 



publicidade:


Notícias : Bahia